Extra! Extra! Espécie de rã é reencontrada 30 anos após ser declarada extinta Fiscal de pesca australiano encontrou anfíbio por acaso. Extra! Extra! + Seu Gato se recusa a usar a caixa sanitária?

De volta ao Ctrl+C   Ctrl+V

 

Espécie de rã é reencontrada 30 anos após ser declarada extinta
Fiscal de pesca australiano encontrou anfíbio por acaso.

Colônia da ‘Litoria castanea’ (Yellow-spotted Tree Frog) tinha cerca de 100 indivíduos.

Uma espécie de rã que os cientistas consideravam extinta há 30 anos, a ‘Litoria castanea’, voltou a ser localizada, na Austrália.

O anúncio do “reaparecimento” foi feito pelo ministro australiano do Ambiente e Mudança Climática, Frank Sartor, nesta quinta-feira (4).
Um fiscal de pesca chamado Luke Pearce achou o animal no estado de Nova Gales do Sul.

Especialistas confirmaram a existência de uma colônia com cerca de 100 animais.

Das 216 espécies de rã conhecidas na Austrália, 7 foram extintas nas três últimas décadas.

"Encontrar essa espécie nos dá esperança de que muitas outras que imaginamos estarem extintas na realidade não estejam. Só não conseguimos localizá-las”, afirmou Dave Hunter, director do departamento de espécies ameaçadas do governo australiano.


Fonte: GLOBO

 

Gostei desta notícia! Altamente!!!


Seu Gato se recusa a usar a caixa sanitária?

 

Apesar de conhecidos pela limpeza, a micção e defecação fora da caixa sanitária são problemas comuns entre os gatos. Longe de vilões e revanchistas, muitos gatos que se recusam a usar o banheiro estão na verdade sofrendo de estresse ou apresentam doença urinária. Podemos te ajudar a ajudar o seu gato!

Somos veterinários da Faculdade de Medicina Veterinária da Universidade de São Paulo interessados no estudo do comportamento de gatos que vivem em grupos e urinam fora da caixa sanitária Precisamos da sua ajuda!

Se você reside em são Paulo, possui de 3 a 8 gatos em casa e um (ou mais) deles apresenta micção fora da caixa sanitária, entre em contato conosco. A participação em nossa pesquisa é gratuita e lhe forneceremos informação e total apoio na resolução deste problema.

 

Dra. Daniela Ramos - daniela.ramos@usp.br
Apoio: Dr. Alexandre G. T. Daniel
Supervisão: Prof. Archivaldo Reche Junior

 

sinto-me:
Publicado por Bruno Moreira às 18:57 | link do post | comentar