Tudo sobre = Gatos + Cães + Animalia + Perguntem

 

 

Quinta-feira, 31.12.09

AVISO!!!

Venho até aqui informar que estou com poucos e com falta de comentários no menu!!!


Agradecia que também comentassem no menu...

Especialmente "Tudo sobre a Animália" pois isso é muito importante lerem por é o Reino Animal e não tem nem 1 comentário...


Por isso agradecia muito que comentassem o menu...

 

 

 

Brevemente mais animais!!!

 

Ah! Já me ia esquecendo! Há uma prenda para todos vocês ali em baixo para quem ainda não viu...

sinto-me:
Publicado por Bruno Moreira às 20:54 | link do post | comentar
Segunda-feira, 28.12.09

Novo Botão Menu!

Como já devem ter reparado eu fiz um novo botão para o menu "Tudo sobre a Animália" não é um animal como o cão e o gato mas é ainda mais importante pois é o Reino Animal ou Reino Metazoa!

 

Dêem uma olhada xD!

Publicado por Bruno Moreira às 22:53 | link do post | comentar | ver comentários (3)

Boas Festas!

O blog "Os meus Animais" deseja-lhe Feliz Natal e Feliz Ano Novo (Boas Festas)

O Natal já passou e o blog "Os meus Animais" quer oferecer um presente!

 

 

 

Presente ali em baixo!

  

 Surpresa!!!

 

Cliquem na imagem para aceder ao site de Download!

 

Depois cliquem em "Free user" e esperam os segundos!


AVISO - Não tem vírus!

É preciso o "WinRar" para extrair as imagens de "LOL_CATS"!!!!!!!!


Espero que gostem!!!

Publicado por Bruno Moreira às 15:57 | link do post | comentar

Blog do Ano (Prémio)

Olá eu inscrevi-me no "Blog do Ano" e parece que fiquem em segundo lugar e o meu prémio foi este!:

 

 

Eu não estou triste por ter ficado em 2º lugar! Raios! O importante não é ganhar mas sim a vida dos maravilhosos animais e não só xD!!! (a nossa vida também)

 

Obrigado "Blog do Ano"!!!

Publicado por Bruno Moreira às 15:53 | link do post | comentar
Sexta-feira, 25.12.09

Yahoo! Respostas

Olá, venho aqui perguntar a quem tem conta no "Yahoo!" e pode responder a esta pergunta abaixo:

 

 

Yahoo! Respostas

Cliquem na imagem acima para aceder ao site do "Yahoo! Respostas".

 

Sabem de jogos de Aventura?

Cliquem nas palavras acima para aceder à pergunta. 

 

Espero que saibam... xD

Publicado por Bruno Moreira às 20:21 | link do post | comentar | ver comentários (5)
Terça-feira, 22.12.09

Manatim

Os peixe-bois, vacas-marinhas ou manatis constituem uma designação comum aos mamíferos aquáticos, sirênios, assim como os dugongos, mas da família dos triquecídeos (Trichechidae). Possuem um grande corpo arredondado, com aspecto semelhante ao das morsas, o peixe-boi-marinho (Trichechus manatus) pode medir até 4 metros e pesar 800 quilos[1], enquanto o peixe-boi-da-amazônia (Trichechus inunguis) é menor e atinge 2,5 metros e pode pesar até 300 quilos[1].

 

Existem três espécies de peixe-boi: o peixe-boi-marinho (Trichechus manatus), o peixe-boi-africano (Trichechus senegalensis), e o peixe-boi-da-amazônia (Trichechus inunguis). No Brasil, o peixe-boi-marinho habitava do Espírito Santo ao Amapá, porém devido à caça, desapareceu da costa do Espírito Santo, Bahia e Sergipe[1]. Os peixes-boi vivem tanto em água salgada quanto em água doce. O peixe-boi amazônico só existe na bacia do rio Amazonas, no Brasil, e no rio Orinoco, no Peru[1] e vive apenas em água doce.

Todas as espécies encontram-se ameaçadas de extinção e estão protegidas por leis ambientais em diversas partes do mundo. No Brasil, o peixe-boi é protegido por lei desde 1967[2] e a caça e a comercialização de produtos derivados do peixe-boi é crime que pode levar o infrator a até 2 anos de prisão[1]. São animais de hábitos solitários, raramente vistos em grupo fora da época de acasalamento.

Alimentam-se de algas, aguapés, capins aquáticos entre outras vegetações aquáticas e podem consumir até 10% de seu peso em plantas por dia e podem passar até oito horas por dia se alimentando[1]. Durante os primeiros dois anos de vida vivem com suas mães e ainda se alimentam de leite. São muito parecidos com os dugongos e a principal diferença entre o peixe-boi e o dugongo é a cauda. São animais muito mansos e, por este motivo, são facilmente caçados e se encontram em risco de extinção.


Manatee photo.jpg

 

Publicado por Bruno Moreira às 16:45 | link do post | comentar | ver comentários (1)
Segunda-feira, 21.12.09

Ocapi (Okapi)

>>>>>>>>Leiam este post todo! Seja grande ou não!<<<<<<<<

>>><<<

 

ocapi (Okapia johnstoni) é uma das duas espécies remanescentes da família Giraffidae, sendo a outra a girafa. É nativo das florestas húmidas do nordeste da República Democrática do Congo, e era conhecido somente pelos habitantes locais até 1901. Esta obscuridade levou a Sociedade de Criptozoologia a adoptá-lo como seu emblema.

Os ocapis têm corpo escuro, com riscas brancas bem visíveis nas patas. A forma do corpo é semelhante à da girafa, embora o pescoço dos ocapis seja muito mais curto. Ambas as espécies possuem línguas muito longas (aproximadamente 30 centímetros de comprimento), azuis e flexíveis, que usam para retirar folhas e rebentos das árvores. A língua do ocapi é tão longa que lhe permite lavar as pálpebras e limpar as orelhas com ela; juntamente com a girafa, são os únicos mamíferos que conseguem lamber as próprias orelhas. Os ocapis machos possuem pequenos chifres cobertos de pele.

Os ocapis têm um comprimento de 2 a 2,5 metros, e uma altura de 1.5 a 2 metros nas espáduas. O seu peso varia entre 200 e 250 quilos.

Além de folhas e rebentos, os ocapis comem relva, samambaias, frutas, e fungos.

São animais essencialmente diurnos e solitários, juntando-se apenas para acasalar. Dão à luz apenas uma cria de cada vez, que pesa cerca de 16 kg, após um período de gestação de 421 a 457 dias. As crias são amamentadas durante até dez meses, atingindo a maturidade entre os 4 e os 5 anos de idade.

Os ocapis não estão classificados como espécie em perigo de extinção, mas são ameaçados pela destruição do seu habitat e pela caça furtiva. O trabalho de protecção no Congo inclui a continuação do estudo do comportamento do ocapi, e levou à criação em 1992 da Reserva de fauna dos ocapis. A Guerra Civil do Congo ameaçou tanto a vida selvagem como os trabalhadores da reserva.

Seu nome deriva do som que produz. O epíteto da espécie (johnstoni) é uma forma de reconhecimento do explorador britânico Sir Harry Johnston, que organizou a expedição à Floresta de Ituri que pela primeira vez capturou um ocapi para fins científicos. Primeiramente foi classificado como uma espécie de eqüídeo selvagem, recebendo o nome de Equus johnstoni.

 

Okapi2.jpg

 

 

Publicado por Bruno Moreira às 23:31 | link do post | comentar
Domingo, 20.12.09

Celacanto

Os celacantos são peixes muito especiais e, quando foram descobertos, foram considerados fósseis vivos. A sua característica mais importante é a presença de barbatanas pares (peitorais e pélvicas) cujas bases são pedúnculos que se assemelham aos membros dos vertebrados terrestres e se movem da mesma maneira. São os únicos representantes vivos da ordem Coelacanthiformes.

O Celacanto era considerado extinto até que o primeiro espécimen vivo foi encontrado na costa leste da África do Sul, em 25 de dezembro de 1938. Nesta época, já se conheciam cerca de 120 espécies de Coelacanthiformes que eram considerados fósseis indicadores, ou seja, indicando a idade da rocha onde tinham sido encontrados. Todos esses peixes se encontravam extintos desde o período Cretáceo.

Atualmente, já se conhecem populações destes peixes na costa oriental da África do Sul, ilhas Comores (no Canal de Moçambique, também no Oceano Índico ocidental) e na Indonésia e decorre um programa de investigação internacional com o objectivo de aumentar o conhecimento sobre os celacantos, o South African Coelacanth Conservation and Genome Resource Programme (Programa Sul-Africano para a Conservação e Conhecimento do Genoma do Celacanto).

Antes da descoberta de um exemplar vivo, acreditava-se que o celacanto era um parente próximo do primeiro vertebrado a sair das águas, dando origem a um novo grupo de vertebrados conhecidos como tetrápodes, que inclui os humanos. No entanto, estudos recentes não apontam mais este tipo de relação[1]. 

 

 

Latimeria chalumnae

Publicado por Bruno Moreira às 22:47 | link do post | comentar | ver comentários (2)
Sexta-feira, 18.12.09

Leão-Marsupial

O leão-marsupial é o nome genérico dado aos mamíferos marsupiais da família Thylacoleonidae, que habitaram a Austrália no Neogénico. Apesar do nome popular, estes animais não estão relacionados com os leões, que são mamíferos placentários da família Felidae. O grupo surgiu no Oligocénico (ca. 33 milhões de anos) e extinguiu-se no Plistocénico (c. 10 mil anos atrás). Foram encontrados fósseis de oito espécies de leões marsupiais classificadas em três géneros. A família Thylacoleonidae evoluiu a partir de antepassados herbívoros pertencentes à infra-ordem Vombatiformes que inclui os wombats e coalas modernos, os parentes mais próximos do leão marsupial .




Os tilacoleonídeos mais primitivos, pertencentes ao género Priscileo, eram pouco maiores de uma doninha e tinha uma dentição pouco especializada. Eram possivelmente omnívoros e arbóreos. O género Wakaleo surgiu no Miocénico e representa uma evolução no sentido de um maior tamanho. O leão marsupial, no sentido estrito, surgiu no Pliocénico e pertenceu ao género Thylacoleo. Era um carnívoro voraz que se alimentava possivelmente de cangurus e wombats gigantes, entre outros herbívoros australianos. O Thylacoleo tinha dentes caninos muito reduzidos e matava as suas presas com os quatro incisivos longos e projectados para a frente. O tipo de molares sugere que não fosse capaz de roer nem esmagar ossos, sendo altamente especializado para a mastigação de partes moles. Por comparação, os felinos matam as presas com os dentes caninos e conseguem mastigar ossos. O Thylacoleo tinha dimensões semelhantes às de um leopardo actual mas o seu corpo era muito mais robusto e calcula-se que pesasse o mesmo que um leão moderno. As pernas dianteiras eram bastante poderosas e terminavam em patas com polegar oponível e garras longas. Estas características sugerem que caçassem de emboscada em vez de perseguições rápidas.


Os leões marsupiais sobreviveram até à chegada do homem moderno ao continente australiano. É pouco provável que os aborígenes tivessem entrado em conflito directo com estes predadores. No entanto, os danos que causaram às faunas de herbívoros contribuiu para o desaparecimento destes carnívoros altamente especializados há cerca de 10.000 anos.

Publicado por Bruno Moreira às 23:19 | link do post | comentar | ver comentários (2)
Quinta-feira, 10.12.09

Novo Visual

Olá a todos :) Como podem ver temos um novo visual foi feito para o natal uma época de magia e alegria. Escolhi o lobo pois é um animal fantástico e que também sofre como muitos outros animais que estão em vias de extinção. E por falar nisto nas férias vou preparar um especial dedicado aos animais que correm muito perigo de vida e no natal vou publicar aqui no site uns presentes para todos vocês que visitam o site. Espero que tenham gostado das mudanças e podem ver na barra lateral mais informações sobre programas de televisão sobre animais. Obrigado

Publicado por Bruno Moreira às 16:19 | link do post | comentar | ver comentários (7)

Welcome

Bem-Vindo(a) ao blog Os Meus Animais. Este blog visa apoiar todos os animais, alertanto as pessoas para o perigo que todos correm, com a evolução do homem os animais têm vindo a ser maltratados, abusados e não merecem nada de mal, eles têm o direito à vida como todos nós, por isso não maltrates os animais, cuida deles como se fossem da tua familia, eles precisam de nós como nós precisamos deles. Obrigado.

Pesquisa

 

Dezembro 2009

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
19
23
24
26
27
29
30

Posts Recentes

Animais na TV

O NOSSO MUNDO [SIC]
Sábado - 11:55
Câmaras ocultas espreitam os hábitos mais privados dos animais...
Conheça melhor o mundo em que vivemos com os extraordinários documentários da National Geographic, Explorer, BBC e muitos outros.
BBC VIDA SELVAGEM [SIC]
Domingo - 11:45
Dos pólos gelados aos desertos escaldantes, das savanas africanas às florestas tropicais, das mais imponentes cordilheiras aos oceanos mais profundos, espécies dos mais variados meios e habitats são descobertas e estudadas pelos especialistas da BBC.
A RTP1 e RTP2 transmitem também documentários mas infelizmente não consegui encontrar a data certa destes programas, contudo na RTP1 costuma dar ao fim-de-semana, na RTP2 dá antes de jantar ou durante. Fiquem atentos.

Sites de Protecção

A União Zoófila foi fundada a 17 de Novembro de 1951. Tem como objectivo principal a defesa, protecção e tratamento de animais domésticos em risco.

A Liga Portuguesa dos Direitos do Animal é uma Associação de Utilidade pública, sem fins lucrativos, de Âmbito Nacional e foi fundada em 1981.

A Apasfa, entidade sem fins lucrativos e de Utilidade Pública conforme Lei 6.908 de 28/03/90, foi fundada em 21 de Abril de 1982, em São Paulo - SP, com o propósito de lutar pelos direitos dos animais através de projetos educativos.

National Geographic

Entra no site da National Geographic e descobre tudo sobre o nosso planeta e animais. Uma revista fantástica onde muitas coisas podemos descobrir.

Onde está ele?

 

Clica na imagem para completares o formulário e o blog

"Os meus Animais" vai ajudar-te a encontrar o teu Animal!

Por vezes o Formulário pode aparecer incorrectamente por isso actualize a página do Formulário!

Concurso

Arquivo

Afiliados

ENTRAR hudgens-vanessa

ENTRAR zac-efronfan

ENTRAR arca-animalis

ENTRAR ashley-vanessa

ENTRAR danielaruah-web

ENTRAR Cantinho dos Gatos

ENTRAR Famosos&Famosas - Mix

Status

Nome: Os Meus Animais
Administrador: Bruno Moreira
Design: Juliana Maia
Url: OsMeusAnimais.pt.vu
Hosted: Blogs Sapo
Total de Visitas: home page tracker
RSS